UNIVERSIDADES NÃO APOIAM ESTUDANTES COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Durante o ano passado, 291 instituições de ensino superior (universidades) foram chamadas a responder sobre os apoios existentes para alunos com Necessidades Especiais de Educação. Concluiu-se que apenas 94 universidades ofereciam este tipo de apoio, sendo que 67 não responderam. O Ministério da Educação tem dados de 2014/2015 onde refere a existência de mais de 76 mil alunos com carências específicas de diferentes tipos. O Grupo de Trabalho para o Apoio a Estudantes com Deficiências no Ensino Superior (GTAEDES) alerta que em Portugal não há ainda lei que obrigue à existência de serviços de apoio e que depende “da sensibilidade e da vontade política de cada instituição” apoiar e acompanhar os alunos.

Este inquérito vem constatar algo que é exigido há muitos anos nas universidades, mais igualdade de acesso e frequência a todos os estudantes.

por Luís Grilo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *