PORTUGAL, PARAÍSO PARA SURFISTAS

Recentemente a atleta portuguesa Teresa Bonvalot sagrou-se campeã europeia de surf, em juniores. Esta conquista era inédita no surf português feminino, pois em 1996, Tiago “Saca” Pires também venceu este circuito.

A vitória triunfante de “Teresinha”, de 17 anos, é mais uma forma de consagração para o surf lusitano, que muito evoluiu nos últimos anos. O ano passado, por exemplo, foi a vez da lenda do surf mundial, Garret McNamara, surfar as ondas gigantes da Nazaré. De lembrar que em Peniche tem ocorrido uma das etapas do campeonato mundial de surf, o que gera bom dinheiro para a economia nacional.

OUTRAS INICIATIVAS

Na areia da praia, bem perto do mar, estão a decorrer várias iniciativas relacionadas com o surf. Por exemplo, a EDP está a oferecer aulas gratuitas em algumas praias portuguesas. Noutras, o Instituto de Socorro a Náufragos promove o “Surf Salva”, onde há formações para ensinar os surfistas a ajudar os banhistas em perigo.

Em Matosinhos, uma outra atividade da Onda Pura Escola de Surf levou crianças carenciadas a experimentarem as ondas sob as pranchas de surf, com o objetivo de lhes proporcionar melhor integração social e aumento da auto-estima.
No endereço online  www.surfingportugal.com há uma lista das escolas de surf e bodyboard recomendadas pela Federação Portuguesa de Surf, em todo o país.
Boas férias e… boas ondas!

por Luís Grilo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *