O IMENSO NEGÓCIO DAS ARMAS

A França, através da viagem do Presidente da República François Holande, tentou fechar a venda de aviões de guerra para a Índia. Acompanhado por 50 empresários da área do armamento e outros, quer avançar com a venda de 36 aviões caças Rafale, um negócio de 8,3 mil milhões de euros que abre portas à cooperação tecnológica e industrial entre os dois países.

As empresas que acompanham o chefe do estado francês nesta cooperação poderão ganhar muito graças ao desenvolvimento crescente da Índia, a nível económico e no desenvolvimento sustentável. Lembramos a urgência de encontrar novas soluções de urbanismo para a cidade mais poluída ao mundo. Além disso, querem também construir reatores nucleares.

Esta viagem está a criar uma grande insatisfação entre pacifistas e ecologistas franceses, pelas duas questões supracitadas que defendem que se deve pensar em soluções tecnológicas menos agressivas e menos poluidoras no futuro.
por LPL

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *