ESPANHA JÁ TEM GOVERNO EM PLENAS FUNÇÕES

Foram necessárias quatro tentativas e mais de dez meses de governo provisório, para que o conservador de direita Mariano Rajoy (do Partido Popular) obtivesse os votos necessários no parlamento espanhol para se tornar o primeiro-ministro, com apoio parlamentar minoritário. No passado dia 29 de outubro, a liderança de Rajoy foi aprovada com 170 votos a favor, 111 contra e 68 abstenções.
Esta votação só foi possível porque o Partido Socialista espanhol deu orientação aos seus deputados para que se abstivessem, possibilitando assim o governo de direita. Porém, 15 deputados socialistas foram contra as indicações do seu partido e votaram contra.
No dia 4 de novembro, os 13 novos ministros tomaram posse e realizaram de imediato a primeira reunião de governo.
por Luís Grilo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *